Ações desenvolvidas em Nova Venécia contribuem para normalização do comércio

A Prefeitura de Nova Venécia tem intensificado as ações de combate ao coronavírus para evitar a proliferação e consequentemente a mudança na classificação do município, que hoje se encontra em baixo risco.
A desinfecção de espaços públicos como calçadas, praças, rodoviária, pontos de ônibus, fachadas de imóveis e outras áreas de grande circulação ou aglomeração de pessoas, ganhou força com a equipe formada por agentes de endemias lavando esses locais com solução de hipoclorito de sódio (água sanitária) e água, seguindo as orientações de saúde.
Coordenada pelo secretário de Planejamento de Nova Venécia, Edson Marquiori, outra importante medida é a instalação de túnel de pulverização em alguns locais da cidade. O primeiro projeto será implantado próximo à Caixa Econômica Federal, onde há constantemente aglomeração de pessoas, e é fruto de uma parceria do município com a Coopeavi. “Essas medidas são muito importantes, mas é preciso lembrar que o isolamento social continua sendo a nossa principal arma de combate à pandemia. Todas as nossas ações são para que tudo melhore e consigamos superar esse momento e retomar as atividades econômicas o mais rápido possível, sempre respeitando as normas vigentes”, disse.
A Prefeitura delimitou com pinturas de faixas em calçadas e ruas e é preciso que as pessoas respeitem essa sinalização, mantendo a distância mínima exigida.
Tais ações, assim como barreira sanitária, distribuição de máscaras e protetores faciais para profissionais da saúde, atuação da equipe da Vigilância em Saúde orientando a população, entre outras, são essenciais para que o município não saia da classificação de baixo risco para moderado ou alto risco, o que prejudicaria ainda mais a economia local.
“Temos a preocupação com a pandemia, mas pensamos também nos comerciantes e empresários que estão sendo diretamente afetados economicamente. Nossa meta é normalizar essa situação o quanto antes e vamos continuar com essas ações efetivas para que possamos retornar com o funcionamento normal do comércio de Nova Venécia”, conclui Marquiori.